Veja como se livrar de objetos que não usa mais

O simples pensamento disso pode causar arrepios na espinha e nos levar a suar frio. Especialistas dizem que qualquer tipo de “mudança” cria “estresse”. Mover-se (e especialmente se estamos nos mudando para uma nova cidade ou estado) representa uma enorme mudança e naturalmente traz consigo uma grande quantidade de estresse.

Isso pode ser um golpe duplo, porque o estresse pode levar a uma falta de energia e motivação. Muitos de nós tendem a procrastinar durante períodos estressantes de nossas vidas. Esta é uma vez, porém, quando devemos nos elevar acima disso. Ao se preparar para um movimento, precisamos colocar o pedal no metal e fazer um monte de coisas.

Esta lista de verificação contém muitas sugestões que podem parecer “sem problemas”. No entanto, o próprio ato de imprimir essas sugestões e lembretes simples pode se tornar um importante cobertor de segurança à medida que o temido tempo se aproxima. Mover-se e mudar-se exige ser proativo, agarrar o touro pelos chifres e completar certas tarefas bem antes de seus prazos.

Convença as pessoas de sua casa a sempre jogar fora algo que não utiliza mais

Espero que este pequeno papel ajude você a conseguir isso. Neste artigo em particular, estamos deixando de fora as “grandes coisas”, como encontrar a melhor empresa de mudanças, pesquisar o transporte, o estacionamento, o emprego do seu novo bairro, etc.

Esses são para outros artigos em outro dia. Hoje estamos nos concentrando nos conceitos básicos de planejamento e preparação. pesquisando o transporte, estacionamento, emprego, etc. do seu novo bairro. Esses são para outros artigos em outro dia consulta bolsa familia.

Hoje estamos nos concentrando nos conceitos básicos de planejamento e preparação. pesquisando o transporte, estacionamento, emprego, etc. do seu novo bairro. Esses são para outros artigos em outro dia. Hoje estamos nos concentrando nos conceitos básicos de planejamento e preparação.

Muitos de nós são “ratos de pacote”. Uma coisa que podemos realizar imediatamente é passar por todas as nossas “coisas” e nos livrar daquilo que não precisamos mais. Mover roupas indesejadas e bricabraques de um local de residência para outro é um grande desperdício de tempo e esforço.

É surpreendente o quanto mais nos sentimos no controle quando começamos a restringir nosso “inventário” ao que realmente precisamos manter. Livrar-se dos itens indesejados pode ser feito com uma venda de garagem muito antes da hora da mudança e, em seguida, doando as sobras para o Exército de Salvação ou outros grupos de caridade.

Fazer uma faxina dentro do seu lar é sempre bom

Como a movimentação é agitada, para dizer o mínimo, precisamos estar cientes da localização exata de todos os itens importantes. Coisas que absolutamente não devemos perder ou perder, certamente devem ser levadas à mão, e não colocadas em uma caixa:

Livros de Endereços, Certidões de Nascimento, Extratos Bancários, Cheques, Cartões de Crédito e Declarações, Filmes Caseiros, Memorabilia Insubstituível, Apólices de Seguro, Casamento Registros, registros médicos e odontológicos, registros militares, passaportes, fotos e álbuns de fotos, currículos, registros escolares, certificados de ações, declarações fiscais, números de telefone, objetos de valor, documentos de veículos, testamentos.

Há muitas coisas que podemos fazer em nosso novo local, bem antes de nossa mudança, que ajudarão a suavizar os solavancos e triturações de nosso processo de realocação quando o evento real ocorrer: abrir novas contas bancárias.

Abra um novo cofre. Entre em contato com as novas empresas de serviços públicos e organize seus novos serviços. Estes podem incluir TV a cabo, gás, eletricidade, óleo, telefone, água e acesso à Internet. Organize novos provedores de serviços médicos. Se você estiver mudando para um novo estado, entre em contato com o departamento de trânsito e obtenha os formulários necessários para registrar novamente seus veículos.

Veja como se livrar de objetos que não usa mais
Avalie este artigo!